O jardim alimentar é uma instalação de arquitetura efémera de grande escala inserida na oitava edição dos Jardins Efémeros de Viseu.
Um projeto que nasce da parceria entre a organização dos Jardins Efémeros, a FIAN International (FoodFirst Information and Action Network), os Arquitectos Nuno Vasconcelos e Luis Pedro Seixas, o Agrupamento de Escolas Grão Vasco de Viseu, a Ordem dos Nutricionistas e a Nutrofertil Nutrição e Fertilizantes Lda.
Reuniram-se cerca de 750 crianças que durante os dias 20 e 21 de Junho, plantaram em modo de produção biológico a praça 2 de Maio numa construção imponente que tem como intuito a sensibilização para uma alimentação escolar mais natural e a proteção da saúde humana e dos solos nacionais.
Plantaram-se cerca de 1500 plantas (couve, alface, manjericão, meloa, espinafres, salsa,…) em 17 mil litros de Substrato para a Horta Biológico.
As caixas de cultivo ficarão na cidade até setembro. No inicio do próximo ano letivo cada agrupamento levará e cuidará das suas plantações, mantendo o espírito da sustentabilidade ao longo do ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *